Cinema · Programação

Assembleia institui Dia do Cinema Cearense

Os deputados da Assembleia Legislativa do Ceará instituíram, em sessão deliberativa, na manhã desta quinta-feira (5), o Dia do Cinema Cearense, a ser comemorado no dia 5 de agosto.  De acordo com o autor da matéria, o deputado Heitor Férrer (PSB), a data tem por objetivo “resgatar a memória da Sétima Arte no Estado do Ceará, reverenciar as personalidades pioneiras e estimular estudiosos, pesquisadores e produtores contemporâneos da cinematografia cearense”.

Com a aprovação e publicação da proposta no Diário Oficial do Estado (DOE), a data alusiva ao Dia do Cinema Cearense passa a integrar o Calendário Oficial de Eventos do Estado do Ceará.  Na justificativa do projeto, o autor diz que o Cinema no Ceará tem longa e rica história que se inicia por volta de 1910, quando foi exibido o documentário “A Procissão dos Passos”, sendo este considerado o primeiro filme rodado no Estado.

“Daquela primeira apresentação cinematográfica aos dias atuais o cinema cearense tem observado um progresso digno de registro e louvor. Muitos foram premiados em mostras nacionais e internacionais. Produtores, diretores, atores, estudiosos e pesquisadores da Sétima Arte em nosso Estado têm merecido reconhecimento além fronteiras. A mostra cinematográfica CINE CEARÁ completa neste ano de 2017 sua 27ª edição plena de êxito, sendo louvada pelo público e crítica aqui e alhures”.

A data escolhida para homenagear o Cinema cearense se dá em face da instalação nesse dia da ACADEMIA CEARENSE DE CINEMA, idealizado pelo professor-doutor Francisco Régis Frota Araújo,e formada por um grupo de estudiosos, pesquisadores e realizadores da Arte Cinematográfica no Ceará.

 

A diretoria da ACC está assim formada:

PRESIDENTE – Francisco RÉGIS FROTA Araújo

VICE-PRESIDENTE – EDUARDO RENNÓ

1º SECRETÁRIO – MARCUS FERNANDES Oliveira

2º SECRETÁRIO – MESSIAS Rodrigues ADRIANO

1º TESOUREIRO- FERNANDO PESSOA de Andrade

2º TESOUREIRO – José Gilson Bezerra de Menezes (PLUTO)

DIRETOR DE RELAÇÕES PÚBLICAS – José WILSON BALTHAZAR

DIRETORA CULTURAL – FERNANDA Maria Romero QUINDERÉ

DIRETOR DE COMUNICAÇÃO E PUBLICAÇÕES – Francisco BARROS ALVES

 

 

Anúncios
Caiu na rede · Lançamentos · Programação

Conheça os 25 maiores filmes americanos de todos os tempos

Os filmes americanos estão entre aqueles mais exportados em todo o mundo. Os Estados Unidos têm sido considerado ao longo da história uma potência no que diz respeito ao desenvolvimento do cinema, a partir de longas de entretenimento até produtos mais indepentes e de vanguarda. Em reconhecimento à influência do cinema americano, a BBC Cultura entrevistou 62 críticos de cinema em todo o mundo e listou os 100 maiores filmes americanos de todos os tempos.

Para deixar a postagem mais simplificada e menos cansativa, enumerei os 25 melhores filmes segundo a lista da BBC, e aqui vos apresento com algumas sinopses. Nos 25 mais do cinema americano, pode-se constatar que sete deles foram produzidos na década de 1970 e quatro nas décadas de 1940 e 1950. Três foram feitos na década de 1920 e 1960, e nas décadas de 1980, 1990 e anos 2000 são representados por apenas um filme cada.

Na lista temos David Lynch, Martin Scorsese, Woody Allen, Charles Chaplin e Francis Ford Coppola e Orson Welles entre as estrelas que dirigiram os maiores filmes da história. Mas afinal de contas, o que define um filme americano?

Para efeito desta pesquisa, como explica a BBC Cultura, é qualquer filme que recebeu financiamento de uma fonte norte-americana, sendo que os diretores não têm que, necessariamente, terem nascidos nos Estados Unidos. Na lista dos 100 mais, pelo menos 32 filmes foram dirigidos por cineastas nascidos em outro lugar. Cada crítico que participou da pesquisa apresentou uma lista de 10 filmes, com a sua escolha para o melhor filme que recebeu 10 ponto. O resultado está na lista a seguir.

Faça a coisa certa
25.Faça a coisa certa  (1989)

O filme conta a história de um italiano proprietário de uma pizzaria em uma zona problemática de Nova York nos anos 1980, cuja maioria dos moradores é negra.  Seu negócio atrai clientes, até ele se envolver em discussões e bate-bocas com alguns moradores do bairro, gerando um conflito inter-racial.

Se Meu Apartamento Falasse (1960)
24.Se Meu Apartamento Falasse (1960)

Querendo agradar seus chefes e, em consequência, subir na vida, um homem solteiro resolveu emprestar seu apartamento para que os executivos casados pudessem ter encontros amorosos. Mas a situação sai de controle quando ele se apaixona pela amante de um de seus chefes.

Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (1977)
23.Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (1977)

O filme conta a história de Alvy Singer (Woody Allen), um humorista judeu e divorciado que faz análise há quinze anos. Ele acaba se apaixonando por Annie Hall (Diane Keaton), uma cantora em início de carreira, e com a cabeça um pouco complicada. Em pouco tempo estão morando juntos e não demora para se iniciar um período de crises conjugais.

Ouro e Maldição (1924)
22.Ouro e Maldição (1924)

O dentista McTeague, de São Francisco, se apaixona por Trina, uma mulher de quem fez tratamento dentário. Seu melhor amigo e também rival do amor de Trina é Marcus, que permite que Mac se case com Trina, mas muda de ideia depois que a mulher ganha na loteria. Ele então aciona seus contatos no governo local, e consegue acabar com a vida de Mac, que fecha o consultório, passa a beber e a bater na mulher.

Cidade dos Sonhos (2001)
21.Cidade dos Sonhos (2001)

Uma mulher morena é atacada por um assassino profissional, mas escapa após ambos se envolverem em um acidente de carro na Avenida Mulholland em Hollywood, onde apenas a mulher sobrevive. Ela anda até Los Angeles, onde entra em um apartamento recentemente desocupado por uma mulher ruiva. Uma aspirante a atriz chamada Betty Elms chega ao apartamento e encontra a morena, que está com amnésia e não se lembra de quem é, adotando o nome “Rita” após ver o pôster de um filme estrelado por Rita Hayworth na parede. As duas decidem olhar na bolsa de Rita em busca de pistas e encontram uma grande quantia em dinheiro e uma chave azul.
Paralelamente, em uma lanchonete, um homem conta a seu amigo que teve um pesadelo em que havia um monstro nos fundos da lanchonete. Os dois decidem investigar, e a criatura aparece, deixando o homem que teve o pesadelo paralisado de medo.

Os Bons Companheiros (1990)
20.Os Bons Companheiros (1990)

Querendo fazer parte de algo significativo, Henry sai da escola e vai trabalhar para eles. Seu pai um irlandês-americano, conhecendo a verdadeira natureza da máfia, tenta impedir que Henry depois de saber da sua falta da escola, mas os bandidos ameaçam o carteiro local, com consequências terríveis que ele deveria entregar as cartas da escola para os mafiosos
. Henry é capaz de ganhar a vida por si mesmo e aprende duas lições mais importantes na vida: “Nunca traia seus amigos, e sempre mantenha a boca fechada”, o conselho é dado a ele depois de ser absolvido das acusações criminais no início de sua carreira.

Taxi Driver (1976)
19.Taxi Driver (1976)

Travis Bickle  é um jovem de 26 anos frustrado e alienado do meio-oeste dos Estados Unidos, que alega ter sido recentemente dispensado do Corpo de Fuzileiros Navais. Ele sofre de insônia e consequentemente arranja um emprego como taxista na cidade de Nova Iorque, oferecendo-se para trabalhar no turno da madrugada.
Travis passa o seu tempo livre assistindo a filmes pornográficos em cinemas imundos, dirigindo-se sem rumo pela periferia de Manhattan. Também observa Nova York de seu táxi e irrompe com violência contra o que julga ser a escória que contamina a cidade.


18.Luzes da Cidade (1931)

O enredo gira em torno do Vagabundo, novamente sem dinheiro e sem onde morar, e de uma jovem e pobre florista cega pela qual ele se apaixona. A garota o confunde com um milionário e, para não desapontá-la, o vagabundo finge ser rico. Posteriormente, ele impede um milionário bêbado de suicidar-se e, devido ao seu ato heróico, tornam-se grandes amigos, mas sempre quando o milionário fica sóbrio ele não se lembra mais do vagabundo nem do que ocorreu enquanto estava bêbado.

Em busca do ouro (1925)
17.Em busca do ouro (1925)

Neste filme, o Vagabundo vai tentar a sorte em Klondike, no Alasca, na “febre do ouro” em 1898, em busca da riqueza e felicidade. Carlitos está a procura de minas de ouro, e vai andando na procura deste. Enquanto isso Jim MacKay, mais conhecido como Big Jim está demarcando as suas terras, e consegue achar uma montanha de ouro.

Onde os homens são homens (1971)
16.Onde os homens são homens (1971)

Ao perambular pelo inóspito Velho Oeste, durante o Inverno de 1902, o jogador John McCabe chega à cidadezinha de Presbyterian Church e decide abrir um prostíbulo ali. Logo aparece Constance Miller, madame que se oferece para tocar o empreendimento, de vez que é escolada na profissão.
Os negócios vão bem, a cidade cresce, e isso acaba por atrair especuladores interessados no solo do lugar, rico em minério. Eles querem que McCabe caia fora, mas ele se recusa. Tudo, enfim, é decidido em um surreal duelo num campo coberto pela neve.

Os melhores anos de nossa vida (1946)
15.Os melhores anos de nossa vida (1946)

Após a Segunda Guerra Mundial, Fred Derry, Homer Parrish e Al Stephenson se encontram num voo em avião militar para Boone City (cidade fictícia)1 ). Fred é um condecorado capitão da Força Aérea, Homer é um marinheiro que perdeu as duas mãos após seu navio ser atacado e que foram substituídas por próteses mecânicas de duplo gancho e Al serviu na Infantaria do Exército como sargento de pelotão no Pacífico.

Nashville (1975)
14.Nashville (1975)

O filme se baseia, com um certo clima de sátira, no ambiente empresarial da música country e gospel existente em Nashville, Tennessee, combinado com uma campanha política para a presidência dos Estados Unidos.
O enredo do filme entrelaça múltiplas histórias que convergem no clímax final que ocorre no Partenon daquela cidade (uma réplica do Partenon original ateniense). Com muitos números musicais, a canção-tema do filme, “It Don’t Worry Me”, ouvida esporadicamente durante o desenrolar da história, é cantada no final.

Intriga Internacional (1959)
13.Intriga Internacional (1959)

Um inocente executivo de publicidade, Roger Thornhill, confundido com um agente chamado George Kaplan, é perseguido através dos Estados Unidos por agentes de um misteriosa organização, que acreditam que ele esteja interferindo com o roubo de um microfilme secreto.

Chinatown (1974)
12.Chinatown (1974)

Na década de 1930, em meio as guerras da água na Califórnia, J.J Gittes é um detetive de Los Angeles especializado em casos matrimoniais. É contratado por Evelyn Mulwray para investigar uma suposta traição do marido, Hollis Mulwray, engenheiro-chefe da Companhia de Água e Energia de Los Angeles.
Gittes descobre que Hollis mantem um relacionamento com uma moça, porém, é surpreendido quando a verdadeira Evelyn Mulwray aparece em seu escritório disposta a processá-lo. Em seguida, Hollis aparece morto em um reservatório e Gittes decide descobrir quem o enganou. Sua busca revela uma trama de desvio de fornecimento de água, aquisições de terras no Vale de São Fernando e o envolvimento de pessoas ligadas a Companhia de Água e Energia, e até do pai de Evelyn, Noah Cross.

Soberba (1942)
11.Soberba (1942)

A bela Isabel reina na mansão Amberson, a mais espetacular de Indianápolis. Isabel ia casar-se com Eugene, brilhante inventor, mas ele a humilhou em público um dia e ela acabou se decidindo por Wilbur Minafer. O casal tem um filho, George, arrogante, invejoso, intratável.
Após a morte de Wilbur, Eugene, agora rico fabricante de automóveis, corteja novamente Isabel, que o aceita. George, porém, deseja a mãe só para si e faz de tudo para atrapalhar o namoro. Com a ajuda da tia Fanny, ele provoca e também acaba vítima de uma série de infortúnios que se abate sobre os Ambersons.

Poderoso Chefão II (1974)
10.O Poderoso Chefão II (1974)

Na segunda parte da saga da família Corleone, que terminou em 1974, são contadas duas histórias paralelas. A primeira é a continuação de The Godfather. Agora, Michael está mais maduro e ousado no controle da família, e os Corleones tentam expandir seu império atuando na costa leste dos Estados Unidos. Paralelamente, o filme apresenta toda a infância e a mocidade de Vito Andolini, que mais tarde seria conhecido como Don Vito Corleone.
Após a máfia local matar sua família, o jovem Vito foge da sua cidade na Sicília e vai para a América. Já adulto em Little Italy, Vito luta para ganhar a vida (legal ou ilegalmente) para manter sua esposa e filhos.


9.Casablanca (1942)

Durante a Segunda Guerra Mundial, Rick Blaine (Humphrey Bogart), um americano amargo e cínico, expatriado de causas desconhecidas, administra a casa noturna mais popular em Casablanca (Marrocos), o “Café de Rick” .
Esta também é uma casa de apostas que atrai uma clientela diversificada: as pessoas da França de Vichy, os funcionários da Alemanha Nazi, refugiados, políticos e ladrões.

Psicose (1960)
8.Psicose (1960)

O enredo gira em torno do encontro entre a secretária, Marion Crane (Leigh), que após dar um desfalque em seu empregador, vai parar num decadente motel, dirigido por um perturbado rapaz, Norman Bates (Perkins), e suas consequências a partir do encontro.

Cantando na chuva (1952)
7.Cantando na chuva (1952)

Don Lockwood é uma estrela do cinema mudo popular mas com raízes como um cantor, dançarino e dublê. Don mal consegue tolerar sua insípida “noiva” Lina Lamont, apesar do estúdio, Pictures Monumental, vender um relacionamento entre eles para aumentar sua popularidade. Lina está convencida de que eles estão apaixonados, apesar do tratamento negativo que ela tem dele.

Aurora (1927)
6.Aurora (1927)

Durante as férias de verão, uma excursão vinda da cidade chega a um bucólico vilarejo situado às margens de um lago. Fazia parte dessa excursão uma mulher que, semanas após todos regressarem à cidade, permaneceu no vilarejo porque havia se tornado amante de um fazendeiro.

Rastros de ódio (1956)
5.Rastros de ódio (1956)

Em 1868, o veterano ex-oficial confederado Ethan Edwards retorna da Guerra Civil Americana e vai para o rancho de seu irmão na zona rural do Texas. Pouco tempo depois de sua chegada, os Comanches matam seu irmão e sua cunhada e raptam as duas filhas, uma delas ainda menina.

2001 – Uma odisséia no espaço (1968)
4.2001 – Uma  odisséia no espaço (1968)

O filme lida com os elementos temáticos da evolução humana, tecnologia, inteligência artificial e vida extraterrestre. É notável por seu realismo científico, efeitos visuais pioneiros, imagens ambíguas que são abertas a ponto de se aproximarem do surrealismo, som no lugar de técnicas narrativas tradicionais e o uso mínimo de diálogo.

Vertigo (1956)
3.Vertigo (1956)

Depois de um incidente num telhado, quando um policial morreu devido a acrofobia e a vertigem do detetive da Policia de San Francisco (Califórnia) John “Scottie” Ferguson, ele se aposenta. Scottie tenta superar seu medo mas sua ex-noiva Midge Wood sugere que apenas por outro choque emocional ele seria curado.

O poderoso chefão (1972)
2.O poderoso chefão (1972)

No verão de 1945, Don Vito Corleone ouve pedidos de favores durante o casamento da sua filha Connie, enquanto o seu consigliere e filho adotivo, Tom Hagen, apenas escuta. O cantor e “afilhado” do Don, Johnny Fontane, pede ajuda para estrelar um filme que vai ajudá-lo a reerguer sua carreira.
Hagen vai a Califórnia para se encontrar com o chefe do estúdio Jack Woltz com o objetivo de adquirir o papel para Fontane. Depois de recusar-se a escalar Fontane, ele desperta na manhã seguinte com a cabeça decapitada do seu valioso e estimado cavalo Khartum na cama.

Cidadão Kane (1942)
1.Cidadão Kane (1942)

O filme inicia com a  morte de Charles Foster Kane, momentos antes da qual pronuncia a palavra “Rosebud”. Após dias de sensacionalismo em cima da notícia de sua morte, o jornalista Jerry Thompson (William Alland) é enviado por seu chefe para investigar a vida de Kane, a fim de descobrir o significado de sua última palavra (Rosebud).
Entrevistando pessoas do passado de Kane, o jornalista mergulha na vida de um homem solitário, que desde a infância é obrigado a seguir a vontade alheia. Ninguém a seu redor importa-se com Kane, que busca por meio da aquisição de bens a adoração das pessoas.

Lançamentos · Programação

Jericoacoara recebe Festival Cinema Digital

festival-jeri

Pela quinta vez, realizadores audiovisuais de diversos estados brasileiros, responsáveis pelo novo cinema nacional, vão se encontrar em uma das praias mais belas de todo o mundo. De 15 a 21 de junho, o Festival de Jericoacoara – Cinema Digital realizará a sua quinta edição, sempre fiel à proposta original, de oferecer um novo olhar sobre o cinema brasileiro, um panorama da nova produção do audiovisual nacional, democratizada tanto em conteúdo quanto em forma, por meio da tecnologia digital.

O V Festival de Jericoacoara – Cinema Digital contará, na Mostra Competitiva de Curtas, com a exibição de 30 filmes, de realizadores de diversos estados, selecionados entre mais de 260 inscritos. Participam do festival filmes de até 20 minutos, sobre quaisquer temas, nos gêneros documentário, ficção, animação e experimental.

O festival também prestará homenagem ao cineasta cearense Hermano Penna, radicado em São Paulo, onde construiu uma trajetória de destaque no cenário do audiovisual brasileiro. Seu filme “Aos ventos que virão” será exibido especialmente no festival.

Caiu na rede

Site elege os 100 melhores filmes da década

TheMaster

Elas sempre geram polêmica e nunca são unanimidade, mas sempre estão aí para gerar o debate. O site de entretenimento The A.V Club fez a sua lista dos 100 melhores filmes da década, e nela tem muita surpresas, apesar daqueles longas que você, com certeza, colocaria em uma lista dos 100 melhores. Listei aqui os 50 melhores, segundo os editores do portal.

Na listagem tem Boyhood. Antes da Meia Noite, A Rede Social, e alguns que surpreendem, como Sob a Pele e Missão Impossível: Protocolo Fantasma.  Me surpreendeu A Árvore da Vida no top five, até porque é um filme que gosto muito, mas que muitos criticam.  Com A Separação em segundo lugar já ganhei o dia e concordo com boa parte da lista, apesar de não ter assistido 19 dos filmes citados. É correr para ver.

cats

50. Amer

49. Os Amores da Casa de Tolerância

48. Heróis da Ressaca

47. Nós Somos as Melhores!

46. Um Toque de Pecado

45. Upstream Color

44. Um Estranho no Lago

43. Computer Chess

42. Planeta Solitário

41. O Lobo de Wall Street

40. Garota Exemplar

39. Força Maior

38. Bernie – Quase um Anjo

37. Magic Mike

36. 13 Assassinos

35. Missão Impossível: Protocolo Fantasma

34. A Perseguição

33. Amor

32. Martha Marcy May Marlene

31. O Abrigo

30. A Origem

29. Leviathan

28. 12 Anos de Escravidão

27. Melancolia

26. Drive

25. Era Uma Vez Em Nova York

24. A Hora Mais Escura

23. Moonrise Kingdom

22. Todos os Outros

21. O Atalho

20. Cópia Fiel

19. Scott Pilgrim Contra o Mundo

18. Inverno da Alma

17. Whiplash

16. Dois dias, Uma Noite

15. Inside Llewyn Davis

14. Ela

13. Holy Motors

12. Margaret

11. O Grande Hotel Budapeste

10. Antes da Meia Noite
9. A Rede Social

8. Sob a Pele

7. Dente Canino

6. Boyhood

5. The Act Of Killing

4. Frances Ha

3. A Àrvore da vida

2. A Separação

1. O Mestre

Lançamentos · Programação

Cine Ceará homenageia o novo cinema espanhol

O Cine Ceará reafirma sua vocação de mais tradicional evento cultural do estado, realizado ininterruptamente desde 1991. Neste ano, de 18 a 24 de junho, o festival Ibero-Americano de Cinema chega a sua 25ª Edição, com um sentimento especial pelo retorno ao Cineteatro São Luiz, em função da reabertura do equipamento cultural.

Sem título

São 25 anos atuando diretamente no fazer cultural do Ceará, instigando a produção local e proporcionando um valioso intercâmbio entre realizadores, produtores e a indústria do cinema no Brasil e outros países, em especial os latino-americanos e ibéricos.

Nesta edição, os filmes serão distribuídos nas seguintes mostras: Mostra Competitiva Ibero-Americana de Longa-Metragem, Mostra Competitiva Brasileira de Curta-Metragem, Olhar do Ceará, Novo Cinema Espanhol, Mostras Sociais – O Primeiro Filme a Gente Nunca Esquece e Melhor Idade e Acessibilidade -e uma exibição especial.

Há ainda a realização de seminários, debates e oficinas. Toda a programação do Cine Ceará é gratuita. O acesso às sessões será mediante a troca de alimentos não perecíveis por ingressos. O evento acontecerá do dia 18 de junho a 24 de junho, e terá como homenageado o Novo Cinema Espanhol. A volta do Cine Ceará aos palcos do Cine São Luiz é outro motivo para comemoração. Vale a pena conferir.